Manual de exames
Nome: HEPATITE B - HBsAg
Material: soro
Sinônimo: Antígeno Austrália
Volume: 1,0 mL
Método: Quimioluminescência
Coleta: Jejum não obrigatório.
Interpretação: Uso: diagnóstico diferencial, acompanhamento e prognóstico de infecção por hepatite B; triagem sorológica de doadores de sangue e de órgãos. A presença de HBsAg reagente indica contato recente com o vírus ou infecção crônica. O HBsAg e o HBeAg são os melhores mercadores da capacidade infectante. Pode ser detectado cerca de 1-7 semanas após o aparecimento dos sintomas. A persistência de reatividade para HBsAg por mais de 6 meses define o estado de portador crônico. É possível a ocorrência de falso-positivos alguns dias após a vacinação para hepatite B.
Referência: Não reagente:ausência de antígeno Reagente :presença do antígeno Consideração : Em caso de resultado Reagente, a critério clínico, sugere-se realização de exame por Biologia Molecu lar (HBV - DNA).