Manual de exames
Nome: METANOL URINÁRIO
Material: urina do final da jornada de trabalho
Sinônimo: Álcool metilico (metanol)
Volume: 20.0 mL
Método: Cromatografia a gás
Coleta: Coletar urina de final de jornada de trabalho ou aleatória em frasco de coleta de urina limpo e sem aditivo. Após a coleta manter o frasco bem fechado e refrigerado. Enviar a amostra congelada para o laboratório.
Interpretação: Uso: avaliação da intoxicação por metanol (através de combustíveis, solventes, tintas, resinas, corantes, etc.). Este álcool, muito mais tóxico que o etanol, é convertido a formaldeído e ácido fórmico, causando danos à retina (levando à cegueira), além de causar acidose metabólica.
Referência: VR*: até 5,0 mg/L. IBMP**: até 15,0 mg/L. *Valor de Referência para pacientes expostos. **Índice Biológico Máximo Permitido (NR-7).